sábado, 4 de fevereiro de 2012

Microconto #2


Chegou em casa e foi checar seus e-mails. Além dos spams, a única mensagem nova era dele mesmo, enviada do trabalho para seu endereço pessoal. Era pra não esquecer de levar quentinha no dia seguinte, pois seu almoço de aniversário foi cancelado. Os convidados tinham um a um confirmado que não iriam. Todos tinham uma desculpa e todas as desculpas eram falsas. Ele nunca teria certeza disso, é claro, mas pensou a respeito e teria se sentido pior se, no fundo, não soubesse que são esses pequenos pedaços compartilhados de breves solidões alheias que provam que as vidas dos outros não são lá tão diferentes da sua, por mais que se esforcem para fazer parecer o contrário.

4 comentários:

Fabio Pires disse...

todos somos iguais inclusive em nossas diferenças...

Erica Dias disse...

Adorei o microconto... Isso me lembra que, na semana passada, escutei uma mae de aluno dizer que teve de ligar pros amiguinhos do filho um a um e pedir pelo amor de Deus que alguem fosse a festinha do menino porque todos mandaram mensagem no facebook, mas ninguem compareceu nem pelo bolo... triste a infancia de agora.

Fräulein disse...

Adorei!

Ana Carolina Arantes disse...

eu adorei seu blog! a primeira vista! de verdade!
Muito legal! tô seguindo e quero ler todo dia! :/
posta todo dia?
haha
Beijos!